domingo, 10 de agosto de 2008

Para Ana C.

Se eu passar dos 31
Eu vivo até o fim!

Um comentário:

Voz de Eco disse...

Querida alice um "fã" seu me passou seu endereço no espelho: Ricardo POzzo.
Corrija o cabaçalho! Vc escreveu
"assutar". É asssustar, não é.

Não. Eu não me assusto com mais nada, embora sofra.